ITAJU DO COLONIA

ITAJU DO COLONIA
VREADORA AUGUSTA

PALMIRA

PALMIRA
POINTER DO AÇAI

Itaju do Colônia

Itaju do Colônia
Rádio jornal de Itabuna

Itabuna

Itabuna
Rádio Nacional de Itabuna

Floresta Azul

Floresta Azul
Vereadora Daniela Larangeiras

Floresta Azul

Floresta Azul
Vereadora Daniela Laranjeira

terça-feira, 21 de março de 2017

Com aumento de desigualdade social, relatório aponta estagnação do IDH brasileiro

Com o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) no valor de 0,754, o Brasil estagnou no ranking mundial e manteve o 79º lugar dentre os 188 países analisados. Divulgados pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), na manhã desta terça-feira (21), os dados se referem ao ano de 2015 em comparação com o ano de 2014. Dentre os países da América do Sul, o Brasil é o 5º da lista, atrás de Chile, Argentina, Uruguai e Venezuela. Na análise da instituição, dos 78 países listados à frente do Brasil, apenas Andorra, Arábia Saudita, Seicheles e Maurício tiveram desenvolvimento humano mais acelerado que o brasileiro entre 2010 e 2015. De 1990 até este período, a expectativa de vida do brasileiro aumentou 9,4 anos, sua renda cresceu 31,6% e, no que tange à educação, a expectativa de anos de estudo para uma criança que entra no ensino em idade escolar aumentou três anos. Para a ONU, os índices ainda baixos do país se referem ao aumento da desigualdade social e ainda a baixa participação política e econômica das mulheres na sociedade. Mesmo com o IDH inferior – os homens ficam em 0,751 e o das mulheres, 0,754 –, a população masculina tem um indicador de renda significativamente mais alto.

0 comentários:

Postar um comentário