Após agressão, padre Marcelo Rossi decide não registrar boletim contra agressora


Após ser agredido durante celebração de uma missa na TV Canção Nova neste domingo (14) em Cachoeira Paulista, em São Paulo (veja aqui), o padre Marcelo Rossi decidiu não registrar a agressão. No entanto, o caso está sendo tratado pela emissora.
De acordo com a Polícia Militar, a mulher foi encaminhada para a delegacia de Lorena para o registro do caso. A polícia informou que a mulher tem 40 anos e que fazia parte de um grupo que veio do Rio de Janeiro para o evento. Os acompanhantes informaram à PM que ela sofre de transtornos mentais.

Por: Wender Lima.
Tribuna de Palmira.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial