PMs envolvidos na morte de delegado em Itabuna são presos

Dois policiais militares envolvidos na morte do delegado da Polícia Civil José Carlos Mastique, no último domingo (28), em Itabuna, foram presos nesta terça-feira (30) em cumprimento a mandados judiciais, de acordo com o jornal Correio. 

Os policiais que não tiveram os nomes divulgados, porém trabalham no 15º Batalhão da Polícia Militar (BPM), situado no mesmo município em que ocorreu o crime. Os dois foram levados para ser ouvidos na sede da 6ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Itabuna), que investiga o caso em conjunto com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA). 

Os mandados são para prisão temporária, de 30 dias. "Representantes da PM acompanham o trabalho de investigação e estão nos ajudando a esclarecer os fatos", afirma o diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin), delegado Flávio Góis. A morte do delegado ocorreu num posto de combustível, no bairro Jardim Vitória, onde Mastique tinha ido para defender uma mulher vítima de violência por um suposto policial militar à paisana, de acordo com o Sindicato dos Policiais Civil da Bahia (Sindpoc).

Comentários

Anterior Proxima Página inicial