PESQUISA APONTA DÓRIA COMO PREFERIDO DO PSDB CONTRA ALCKMIN

A única coisa que restou da propaganda dos tucanos na TV, além da decisão de esconder seus líderes e do aprofundamento do racha interno, foi um bordão de campanha: “O PSDB errou, o PSDB errou, o PSDB errou”. Um prato feito para adversários, porque o efeito pode ser tudo, menos favorável ao partido. Parece coisa de gênio: do PT, do PC do B, do PSOL ou do Bolsonaro, afirma a jornalista Eliane Castanhêde, do Estadão.
Pensando no futuro, logo ali em 2018, foi encomendada uma pesquisa ao Instituto Paraná, com 2.802 eleitores, em que aponta o prefeito de São Paulo, João Dória, disparado a frente do governador e padrinho político, Geraldo Alckmin.
A pergunta era: “Entre Geraldo Alckmin e João Dória, quem seria o melhor candidato à Presidência da República em 2018?”.  40,3% disseram Dória; 13,2%, Alckmin; 41,3%, nenhum deles; e 5,2% não souberam dizer. Estes números reforçam a tese, de que Alckmin é mais forte internamente, mas Dória está ganhando a disputa pelo eleitorado.
No entanto, um detalhe chamou atenção. O alto índice dos que responderam “nenhum”: 36,1% no Sudeste, casa de ambos; 37,9% no Sul; 45,2% no Norte e Centro-Oeste; e 49,5% no Nordeste, que é PT.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial