Demissões em massa na empresa Ramarim gera preocupação e instabilidade no comércio de Jequié

Cerca de 500 trabalhadores foram demitidos da Ramarim do Nordeste, em Jequié. Essas demissões vão gerar um impacto negativo no comercio local, em tempos de crise o desemprego é sempre uma má notícia. A Ramarim tem duas fábricas no centro Industrial de Jequié, já chegou a gerar 5 mil empregos diretos e atualmente esse número só vem caindo deixando os funcionários com um futuro incerto, já que no mês de junho corre rumores que haverá novas demissões. A empresa que está em Jequié há 20 anos é o maior polo gerador de empregos de Jequié e região. A direção da empresa ainda não se pronunciou oficialmente sobre esse assunto. 

Comentários

Anterior Proxima Página inicial